Arquivo da tag: Weird Cience

Video Girl Ai – Review: Um dos Clássicos Seinen de Romance dos Animes

Quer dizer que você gosta de animes, principalmente de animes de romance, né verdade? Caso contrário não viria aqui para ler a review do seinen de romance, Video Girl ai. Mais um dos textos escritos pelo amigo Pierrot Glutton, ele fala um pouquinho desse anime que é um verdadeiro clássico do gênero. Curiosos? Vamos à leitura.

Video Girl Ai – Review: Um dos Clássicos Seinen de Romance dos Animes

“Obrigada por escolher o meu video, Meu nome é Ai Amano e tenho 16 anos. E você como se chama?”
“Por que você está tão triste?”
“Entendo… Seu amor não é correspondido..”

Com esse dialogo começa o anime Video Girl Ai, baseado no mangá de Masaku Katsura publicado entre 1989 e 1993. Os OVAS (não houve anime seriado) lançados encerraram antes da finalização do mangá.

Muito se fala sobre o purismo do conteúdo do mangá em relação ao que é colocado nos animes, bem… isso é outro papo também. Hoje iremos falar sobre o que VGA (Video Girl Ai) apresenta.

video girl ai 3

História

A história é sobre um protagonista, Youta Moteuch que não tem sorte no amor (novidade), e que por um milagre do destino (novidade) obtém um auxílio para o amor não correspondido. Falar sobre a história é algo que ao meu ver corta o barato de toda a parada.

video girl ai 4

Então podemos ir falando que esse anime possui algumas referências até hoje utilizadas em eroges, como a abertura onde o personagem alvo se apresenta. O interessante é que isso é de bem antes de games modernos e avançados (sei lá quantos bits que têm hoje) com uma possibilidade maior de jogabilidade.

Algumas coisas no formato que achei muito bom é que os episódios duram em torno de 22 minutos, com extras muito interessantes e que acho que deveria ter sido mantido, como um em que o autor da uma pequena entrevista, ou uma das cantoras da trilha sonora que também se apresenta.

video girl ai 6

Referências

Como história a coisa toda é agradável, não chega a causar suores nos olhos, mas não é insossa. Não há perdas excessivas, mas algumas perguntas ficam no ar. Talvez o mangá tenha respostas, porém é interessante notar que o formato utilizado é comum aos de hoje, sendo que são poucos os atuais que tenham uma qualidade boa como VGA.

Os japoneses são famosos por melhorarem aquilo que outro faz, porque podemos notar indiretamente a inspiração do filme Mulher nota 1000 (em inglês Weird Cience de 1985), quando uma mulher sai da tela. Mas podemos notar claramente que isso foi mera referência.

Pode-se dizer que a Ai foi uma das primeiras "Tsunderes". Ela não é bem uma Tsun por causa do seu jeito meigo... Mas é quase uma "proto-tsundere".
Pode-se dizer que a Ai foi uma das primeiras “Tsunderes”. Ela não é bem uma Tsun por causa do seu jeito meigo… Mas é como uma “proto-tsundere”.

Conclusão

Enfim, é um anime que vale a pena assistir pela quantidade de influências que se apresentam. Não apresento como influência original, mas que muitas coisas saíram dali… saíram.

video girl ai 5
Vai dizer que você não lembra do olhar da Belldandy de Ah megami-sama? — Não conhece AMS? Assista junto com VGA!!

 

Galeria de Imagens de VGA (Click para Ampliar)