Arquivo da tag: lanternas vermelhas resenha do filme

Lanternas Vermelhas – Critica do Filme: O Contato com outro Mundo

Aqui temos uma das primeiras Criticas de Cinema feitas pelo amigo Pierrot Gluton. De forma clara e objetiva, ele explora o clássico Lanternas Vermelhas, nos mostrando como é belo o O Contato com outro Mundo do cinema chinês. Boa leitura!

Lanternas Vermelhas – Critica do Filme: O Contato com outro Mundo

Na China dos anos 20, após a morte do pai, Songlian, uma jovem universitária, é obrigada pela madrasta a se casar com o rico Chen Zuoqian, a fim de compensar o empobrecimento da família.

No entanto, Chen já possui três esposas que moram em alas separadas de seu palácio. As lanternas acesas são o símbolo da preferência do senhor e Songlian passará a disputar com as outras três esta preferência. Essa é a sinopse

lanternas-vermelhasFalar sobre um filme chinês é algo aterrador… seria, se não fosse apaixonante. Existem filmes e filmes. Há aqueles que usamos apenas para passar o tempo, e outros são realmente filmes com efe maiúsculo.

Esse é o caso do filme Lanternas Vermelhas, um filme que além da história complexa e intrigante também me abriu os olhos para a perspectiva de vida de uma forma diferente… a forma oriental, de olhos puxados de ser.

Muito do Japão me interessa e a tantos outros que aqui frequentam, mas se existe um filme que lhe mostra quão diferente é a perspectiva de visão de um mundo paralelo, eis o filme.

lanternas vermelhasOutro Mundo

Não é o enredo que me prende (além do enredo) mas sim a impressão de estar sendo transportado para Vulcano… outro mundo. Outras perspectivas, valores, alimentos, vestimentas, olhares, tons e sutilezas.

Parece realmente que você é transportado para um outro planeta, longe daquilo que se vê no ocidente. As perspectivas são bem definidas porque o enredo se passa num período da história chinesa de transição do molde imperial para um algo novo.

Mas esqueça o Último Imperador (outra maravilha), a trama aqui se passa antes disso. Ainda há a “verdade” da vida dos senhores e suas várias mulheres. Assista esse filme, assista mais outros, como “Tampopo, os brutos também comem espaguete”mas descole da perspectiva ocidental. Puxe seus olhos… e tente ver o mundo de forma diferente.