Arquivo da tag: filmes

Resenhas de Filmes Aleatórios: Saló ou Os 120 Dias de Sodoma/ O Experimento de Aprisionamento de Stanford e A Casa Que Jack Construiu

Que tal fechar o ano com chave de ouro? Nosso amigo aldair volta por mais uma com suas “mini-resenhas” de filmes que ele mais gosta. Dessa vez, mais filmes com temáticas… gore, ou difíceis de engolir. Mas vai que vocês gostam também? Vamo ler e quem sabe ver os filmes indicados por ele.

Resenhas de Filmes Aleatórios: Saló ou Os 120 Dias de Sodoma/ O Experimento de Aprisionamento de Stanford e A Casa Que Jack Construiu

Era pra ser três review mais fim de ano e fazer “textão” hoje em dia tá cansativo para quem ler e para quem escreve. Enfim vamos ao meu ultimo post do ano.

Resenha Sobre Filmes Aleatórios

Saló ou Os 120 Dias de Sodoma

Despedida de solteiro nazista.

Tinha grandes expectativas pra este filme mais ele se resumiu a uma orgia deliberada com requintes de sadismo desvairado e cenas de violência muitas das vezes cortadas. Não se engane pelo “market popular” do filme, ele é bastante fraco no que se propõe tendo de pesado apenas seu contexto e nada mais.

O Experimento de Aprisionamento de Stanford

“Abuso de poder a serviço de um bem maior?”

Este filme me conquistou, do  jeito certo é claro. Ele me passou o ser humano em seu lado irracional. Se você o coloca no poder ele pode acabar por não respeitar regras por bel prazer, usando de desculpas visíveis ele leva o outro a nível de humilhação usando o argumento da realidade e do quanto a vítima aguenta sem reclamar ou revidar. Um dos filmes que me prendeu do inicio ao fim. Simples e humilde e que desempenhou muito bem sua proposta.

A Casa Que Jack Construiu

Contos de um Mentiroso?

Sou fã dos filmes de Lars Von Trier, mas confesso que este me decepcionou um pouco (ou muito). talvez pela visão que tive do filme. Em meu entendimento a trama é uma mentira teatral contada por um engenheiro que se acha um arquiteto e que não consegue terminar sua casa.

O filme tem camadas escrotas e narrativas ainda mais escrotas. Muitas delas devem ser verdades contadas sobre o próprio diretor, fora isso o filme não passa nada mais do que contos com brechas literais pra o absurdo.


E com mais um post raso que eu termino este ano. Para quem leu, Boas Festas e um final de Ano de muitas alegrias.

5 Filmes Que Você já Deveria ter Assistido! (Parte 2)

E cá está novamente nosso amigo Aldair trazendo mais uma Lista de filmes que sim, você já deveria ter visto! Eu deveria adiantar alguma coisa, qual filme me marcou, mas digamos que dois aqui considero sensacionais. Espero que gostem dos 5 Filmes que você já deveria ter assistido!

5 Filmes Que você já Deveria ter Assistido! (Parte 2)

5F2

Parte 1 > Parte 2 > Parte 3 > Parte 4 > Parte 5

Vamos que Vamos!

 5° Chumbo Grosso (2007)

hotfuzz_poultry

Este filme é notório pelo simples fato de ser de comédia, ter cenas de assassinatos doidas, porém legais. Tem também uma ação em um momento clímax do filme que impõe respeito e sem me esquecer de que quando tu não da nada pelo que esta assistindo ele lhe surpreende e muito.

Um policial que leva a lei ao pé da letra é mandado para uma cidade distante onde nada acontece ou não. Assim que chega faz amizade com seu parceiro e guia, consertando erros que a cidade tinha mais tratava como coisas bobas sem importância sendo assim ele começa a investigar e logo vê que essa pequena cidade feliz e hospitaleira esconde muita coisa.

Já assisti vários filmes desta dupla e não gostei de muitos, mas Chumbo Grosso eu garanto que vale a pena assistir.

4° Madrugadas dos Mortos (2004)

Madrugadas dos Mortos

O que esperar de um filme de zumbi? Em Madrugada dos Mortos não espere nada (risos). Como no título diz, os personagens quando acordam começam a serem devorados. Não se sabe como nem o que houve para acontecer tal calamidade: agora sobreviva custe o que custar.

Apesar de ter muitas coisas estranhas (zumbis correndo pra ca*****) se você gosta de gore é uma boa pedida. Eu mesmo amei o filme. Não busco muitas explicações às vezes só quero um filme simples e de impacto. E que o que mereça destaque no roteiro aconteça e se crie entre os personagens ao decorrer do filme.

Lembre-se desta frase que contém no filme, pois é muito marcante:“Quando não houver mais lugar no inferno, os mortos andarão pela terra.” *O inferno é infinito, e daí a frase é impactante mesmo assim (risos).

3° O Show de Truman (1998)

O Show de TrumanBelo, engraçado e emocionante é pouco para este filme. Já assisti muitas vezes na TV aberta e digo que é muito valioso o que ele passa.

Um Indivíduo que desde sua infância foi objeto da mídia e tem sua vida passada em um Reality Show ao qual ele desconhece. Tão belo é seu personagem principal, tão engraçado e cativante é sua vida de mentira que aos poucos seu personagem tenta descobrir a verdade.  Ainda tem a emoção de seu final… enfim assista mesmo que já tenha assistindo, vale muito a pena.

2° Um Dia de Fúria (1993)

Um Dia de Fúria

Seu dia parece normal a não ser que esteja acumulando ódio há muito tempo e para explodir só precise de mais um pouco de estresse.

Esse filme é bom demais, tudo que vai ocorrendo no dia deste pai que se torna uma espécie de anti-herói perante a qual assiste e que quando percebe nos minutos finais qual era seu objetivo finalmente conclui que suas ações tinha um significado ainda maior.

Este filme merece muitas honras e um salve de palmas por sua grandeza, simplicidade e realismo com a sociedade antiga e atual.

 1° A Vida é Bela (1997)

A Vida é Bela

Em plena guerra em um campo de concentração, um pai dedicado e amoroso tenta a todo custo iludir seu filho que ali é apenas uma brincadeira, para que o filho não veja o horror da guerra e do ser humano em si.

Primeiro lugar mais do que merecido para este belíssimo filme ao qual nunca negarei elogios. Seu final apesar de triste demostra o maior dos significados.

O ator transforma o filme em uma agradável, surpreendente e emocionante historia de amor de pai para filho e vice versa. “O Amor sempre será mais poderoso que a arma criada para guerras mundanas.”

BNIIkEJ

É tão difícil dizer Good-Bye (risos)

Filmes Que você já Deveria ter Assistido! (Parte 1)

Bem vindos a mais um post Top Lista daqui do Afontegeek! Dessa vez foi o amigo Aldair que nos trouxe os Filmes que você já Deveria ter Assistido! Mexa esse traseiro gordo, da uma olhada neste Top 5 e veja esse filmes indicados, rs!

Filmes Que você já Deveria ter Assistido! (Parte1)

5 Filmes - 01

Parte 1 > Parte 2 > Parte 3 > Parte 4 > Parte 5

Acredito que gostaram desta lista assim como iram gostar das próximas (assim espero).

5° Matilda (1996)

MatildaApesar de ser um filme voltado para crianças não deixa de ser cativante e pode agradar ao público em geral, já assisti por várias vezes quando passa na TV aberta. Este filme é lindo, composto por um enredo que toca na realidade e com um elenco fantástico.

Sua historia fica a cerca de Matilda uma criança comum que acaba por descobrir poderes paranormais sendo assim ela os usa para ajudar os colegas de classe contra a tirania de uma diretora cruel além dos problemas com os pais que são desleixados e uma amizade poderosa e maternal que ela tem com sua professora.

Sua historia simples e sua protagonista encantadora faz dele um filme que merece estar aqui e se nunca assistiu não perca tempo não irá se arrepender.

4° Os Aventureiros do Bairro Proibido (1986)

Os Aventureiros do Bairro ProibidoMais um filme de “Sessão da Tarde” que eu assisti por que não tinha nada melhor pra fazer, porém logo vi que acertei em cheio em parar para assisti-lo. Um filme de ação, aventura, pancadaria, magia e etc… muito mais muito louco.

Faz muito tempo que eu o assisti e não gosto de copiar sinopses, porém peço que acreditem em minhas palavras e se não assistiram, ainda tem tempo de desfrutar deste excelente filme.

3° Fim dos Dias (1999)

Fim dos DiasEsse filme é FODA! Assisti-o em fita, tentei duas vezes assisti quando passava na SBT mais dormi nas duas vezes logo aos 10 minutos de filme só conseguindo assisti por completo depois de loca-lo.

Porque o filme é foda? Simples, tu não da muita coisa nele logo de inicio mais assim que o Diabo aparece… F***! As cenas que vão rolando são muito fodas, tudo que ocorre é foda e a atuação de Arnold (sim o filme é com o “EXTERMINADOR DO FUTURO”) esta tipo Conan na “era moderna”, o cara é um tapado que não esta nem aí mais acaba caindo de cabeça no problema.

Uma garota é destinada a ter o filho do diabo que irá possuir o corpo de um homem e transar com a escolhida e dela nascerá o anticristo e por mero acaso um policial com uma vida de merda e com pensamentos distorcidos irá ajudá-la a escapar deste destino cruel. Se não assistiram corre atrás do prejuízo.

2° O Massacre no Bairro Chinês (2009)

O Massacre no Bairro ChinêsSou fã de Jackie Chan, mas não esperava ver um filme desse estilo vindo dele, um filme extremamente dramático e simplesmente realista, polêmico de certo modo e emocionante.

Um grupo de chineses que entram ilegalmente no Japão começa a tentar viver mesmo a mercê de humilhações e preconceitos a partir disso se corrompem e começam a fazer trabalhos sujos por dinheiro e acaba por ganhar espaço, espaço esse que será tomado com extrema violência.

Um filme excelente com um final que mescla honestidade e castigo, bem emocionante ao meu ponto de vista, chega de papo e assista.

1° O Exorcista (1973)

O ExorcistaComo não deixar de falar desta beleza não é mesmo?!

Nem vou criar sinopse por que esse todo mundo conhece, demorei pra assistir e não achei aquele terror todo que os mais antigos falavam mais gostei muito do filme, bem nojento mesmo sendo antigo e tem cenas de contexto bem pesado.

Se não assistiu ainda saiba que está mais atrasado que relógio de bêbado (piada ruim).

  Agradeço a quem leu, pra vocês eu deixo meu like eterno.

chuck-norris-approves_threadbombing

Top 5 Melhores Reviews do Ano! – Retrospectiva 2014 Afontegeek!

Bem-vindos a mais um post do nosso Listas TOP, aonde eu faço uma retrospectiva das melhores reviews de 2014! As reviews são sobre os temas: Animes, Filmes, Músicas, HQs e Livros. Boa leitura!

Top 5 Melhores Reviews do Ano! – Retrospectiva 2014 Afontegeek!

coringa

Antes que comecem os “mimimis”, quero avisar que as reviews são todas postadas aqui mesmo no Afontegeek em 2014, logo, são as que considero como as melhores reviews deste ano. E também tenho que avisar de antemão, que a escolha foi pessoal minha mesmo.

Avisando que o PierrotGluton deve ter suas top reviews do ano e as escolhidas aqui são só as do meu gosto: as que achei mais interessantes. Então é isso, vamos a elas!

Barakamon – Review de Anime: Como uma Criança pode ser tão Kawai?

Barakamon-bg

(Melhor Review de Anime)

Como é bom ser criança… a risada aberta dessa criança é algo que faz o sorriso vir aos lábios de forma espontânea… ela é matreira, mas faz uns comentários muito bons.

Sem dúvida, para mim, apesar de nós termos diversas reviews sensacionais de anime este ano como a Review sobre Fairy Tale feita pelo amigo Waley, e também claro,  as de Suzumiya Haruhi e de Kaibutsu Oujo (Princess Resurrection) feitas pela minha pessoa, a que mais gostei e mais me marcou positivamente, foi essa feita pelo Pierrot.

Objetiva como sempre, clara, mas também emocional e sabiamente descritiva, falou praticamente tudo sobre o anime em poucas palavras, deixando a gente com vontade de ver ele logo que possível. Geralmente sou um fã das reviews do mano, mas essa foi a que mais me deixou com um sorriso aberto e incontido, verdadeiramente emocionado, como o da Naru.

Batman (1989) O Filme – Review: Um Elogio à Loucura

coringa

(Melhor Review de Filme)

Aqui esse elogio (à Loucura) é diferente. Não tem haver com moral, com o não matar mesmo depois de ver sua filha/amiga ser estuprada e ficar paraplégica por causa de um psicopata. Mas sim, de que o mundo não é “certinho”. Nem tudo, nem coisa alguma é simplesmente “normal”, “comum”. Todos temos lapsos, pontos de fissura.

Essa escolha o pessoal pode dizer “Ahh você votou em você mesmo, não vale!”, mas esse ano contamos apenas com ela, a do Edwards Mãos de Tesoura.

Meio que a escolha foi realmente pessoal, pelo motivo de falar da HQ Piada Mortal (cujo filme se inspirou) deixou o texto bem interessante de se ler, relacionando HQ e Filme.

Top 7 As Melhores Trilhas Sonoras do Cinema!

indiana rocky e harate kid trilha wall

(Melhor Review de Música)

Assim que se aperta o play, conseguimos imaginar o mítico professor e arqueólogo Indiana Jones, entrando com seu chapéu por entre alguma fresta de um templo perdido, ou dando socos e ponta pés em saqueadores de antiguidades.

Aqui eu juro para vocês que fiquei na dúvida. Isso porque tivemos as reviews dos seguintes álbuns do Rhapsody esse ano: Symphony Of Enchanted Lands, Dawn of Victory e a do Power of the Dragonflame.

Mas acho que como texto mais completo, mais pesquisado, com maior número de referências e bem escrito realmente ganhou este Top 7 das Trilhas Sonoras dos Filmes.

Batman – Review: O Significado do Batman na Cultura-POP – Um Herói no meio dos deuses do Olimpo!

Batman.o.cavaleiro.das.trevas.02 post

(Melhor Review sobre HQ)

Batman, portanto, Não é um super-herói. A sua própria construção foi pensada para ele ser um herói — acima de tudo Humano. Um Zorro que lutava pelo povo. Um herói que luta por Gottam. Mas como Ulisses, ele enfrenta deuses, seres mitológicos, monstros, e ganha o respeito do Olimpo, pelo bom uso da singela força humana: A Razão — O Batman e seu clássico “Eu tenho um plano“.

Geralmente nós falamos pouco de HQs (só quando é para postarmos noticias, ou para Download ) então é meio que normal termos um texto sobre HQ, e exatamente o texto escolhido. Não que ninguém por aqui leia quadrinhos… O pierrotGluton mesmo como fã da Marvel praticamente leu tudo da safra “antiga” da editora.

Eu mesmo vez ou outra, paro para ler alguma. V de Vingança terminei a leitura outro dia… Mas devo dizer que depois de ler Cavaleiro das Trevas de Frank Miller, como fã do morcegão, eu tinha que fazer um texto sobre a construção do personagem do Batman. E está ai! Espero que curtam!

Planetarian: The Reverie of a Little Planet – Review: Os sonhos que Movem a Humanidade (Visual Novel)

planetarian

(Melhor review de Livro)

Nós não vivemos sem nossos sonhos, sem nossas esperanças do céu. Sem elas somos apenas cascos vazios vagando em busca de coisas para vender, comprar ou se entorpecer no esquecer deste céu negro que cai “chuva ácida”.

Esse ano não tivemos reviews de romances “normais” por aqui no site. Em 2013 porém, tivemos sobre Lucíola e Senhora (José de Alencar) e Dom Casmurro (Machado). Mas não é por falta de leitura (tive de ler 2 romances para a faculdade nesse meio tempo) sem contar os tantos outros que já li — acho que mais por falta de coragem. Fazer uma indicação sobre Grande Sertão: Veredas, não é para poucos, e me falta culhões ainda.

Mas Planterian… é maravilhoso demais e merecia urgentemente um texto por aqui. Lembro como hoje a primeira vez ao ler esse “Conto Multimídia” o quão foi impactante minha impressão. Uma história humana, cativante, profunda e forte. Uma “literatura fantástica” sinceramente acima da média e um dos melhores dramas que já vi. Nota 10! Nunca vou esquecer de Planterian… Tinha que ser da Key!

———————————————–

darth_vader_com_gorro_Natal

Bem pessoal foi isso. Quero agradecer a todos os amigos e amigas que sempre nos visitam e que comentam nossas reviews e deixar aquele forte abraço ao amigo PierrotGluton, que não só me ajuda a continuar o Afontegeek mas principalmente, estamos sempre juntos em vários momentos, nos dando força na vida.

Então é isso, este foi o último post do Afontegeek de 2014. Que mais reviews e posts venham, que este ano seja de paz, sobriedade, saúde e amor para todos nós. Eu como teísta, deixo aquele desejo forte de bem desejar e que Deus sempre conosco esteja.

E que Venha 2015!

Top 7 Trilhas Sonoras do Cinema!

Bem-vindos meus queridos amigos e amigas, mais uma lista de Top Alguma coisa do Afontegeek. Hoje escolhi algumas trilhas sonoras clássicas do cinema, para vocês ouvirem, relembrarem, ou conhecerem algumas preciosidades!

indiana rocky e harate kid trilha wall

Top 7 Trilhas Sonoras do Cinema!

Antes que alguém pergunte, sim eu fiz uma boa pesquisa sobre os autores das trilhas (então hoje vocês vão conhecer os compositores daquelas trilhas que tanto curtem). Escolhi alguns clássicos que só de ouvir os “panpanpan” vocês reconhecem o filme no mesmo momento.

Resolvi fazer esta lista porque outro dia “deu na telha” de relembrar clássicos como as músicas de Indiana Jones, Rocky, e tantos outros. Daí entrei numa discussão com amigos sobre o motivo das trilhas sonoras dos filmes de hoje não marcarem mais como antigamente. Um amigo levantou o motivo de porque hoje estão muito preocupados em colocar “cantores pop da atualidade”… o que no fundo, é uma verdade.

Mas enfim, vamos ao Top!

Indiana Jones

(John Williams)

Uma das Trilhas sonoras mais clássicas do cinema. Qualquer pessoa com um pouco mais de idade (hehe) associa na mesma hora “música a filme”.

Assim que se aperta o play, conseguimos imaginar o mítico professor e arqueólogo Indiana Jones, entrando com seu chapéu por entre alguma fresta de um templo perdido, ou dando socos e ponta pés em saqueadores de antiguidades.

indiana_jones_09

Tenho o Indy como um dos maiores heróis da minha infância e pré-adolescência, e ao ouvir essa canção-tema me emociono na hora! Meu sonho sempre foi e ainda é ser como ele, rs.

Enfim, rasgações de seda à parte, a trilha foi composta pelo MÍTICO John Williams, autor de trilhas de diversos filmes clássicos do cinema, e a segunda pessoa com maior indicações ao Oscar! O cara é velho figurão nas trilhas de Steven Spilperg (Jurassic Park, a Lista de Schindler e E.T. o Extra-Terrestre, etc).

Só para completar, Indiana Jones é criação do gênio George Lucas, mas dirigido por Spilberg. E eu só não falo mais do John porque ele vai aparecer de novo nesta lista!

Rocky: Um Lutador

(Bill Conti)

Agora vamos para a Trilha Sonora do filme Rocky: Um Lutador (na tradução brasileira). O filme venceu quase absolutamente tudo no Oscar de 1977 (Melhor filme, melhor direção, melhor filme de drama) é outro clássico do cinema. E recebeu indicação como melhor canção, a mítica “Gonna Fly Now” composta pelo gênio (o cara é genial) Bill Conti.

O filme tem algumas curiosidades interessantes. A primeira que o Roteiro foi escrito pelo PRÓPRIO Silvester Stallone, e ele arriscou bastante ao atuar ele mesmo como Rocky (ofereceram dinheiro pra ele desistir mas ele seguiu em frente).

rocky

Outra coisa que sim, Stallone também foi indicado ao oscar como melhor ator, e escreveu o roteiro em apenas 3 dias! Depois de assistir a luta entre Chuck Wepner e Muhammad Ali, aonde o Chuck resistiu ao embate durante 15 rounds e até Derrubou Ali.

A Gonna Fly Now ficou no topo das paradas na Billboard por uma semana (de 2 de julho até 8 de julho de 1977) de forma merecida, diga-se. Canção mítica que faz chorar até os marmanjos mais barbudos, tanto a trilha como o filme são um deleite, e me julguem, mas a atuação de Stallone tanto em Rocky I quanto Rambo I foram GENIAIS!

Darth Vader (Marcha Imperial)

(John Williams)

Olha o John Williams de novo! Eu sinceramente não sei dizer se ele é o compositor da mítica “Marcha Imperial“, mas como foi ele o gênio que fez a trilha sonora DE TODOS os Star Wars, é de se dizer que ele também fez essa peça magistral (aliás, a canção de combate entre os Jedis x Sith composta para os filmes novos, também é mítica!).

Para vocês terem ideia do quão “o cara” este mítico John Williams é, ele quem também fez a trilha do clássico de filmes de suspense: Tubarão (também obra de Spilberg). Depois dizem que dois raios não caem no mesmo lugar… neste caso, caiu várias vezes!

Karate Kid II

(Peter Cetera – Bill Conti)

Mas é impressionante como os raios insistem em reaparecer por aqui né? Segundo a querida Wikipedia, Bill Conti também é o responsável pela trilha sonora do filme Karate Kid, e confirmo dele também ter feito a trilha de Karate Kid II (canção que escolhi), só por causa desta Imagem, rs.

Por acaso, a mítica, “Glory of Love” do Peter Cetera (quem?) também foi indicada para o Oscar como melhor canção, e merecidamente, diga-se. Ainda estou pensando em “O que aconteceu com as trilhas de hoje, em?”.

Superman O Filme

(John Williams)

Mas esse tal de John Williams não para nunca! Ele foi o compositor do primeiro filme do Superman clássico (Superman O Filme) estrelado pelo também genial Christopher Reeve. É engraçado o tom “épico” que suas composições têm.

Se você parar para ouvir todas essas três músicas dele vai notar um “crescendo” muito presente, e claro, o teor épico que todas possuem. É um fato, o cara merece todas as indicações e prêmios da academia que ganhou. É um gênio (e ele fará a trilha sonora de Star Wars Episódio VII!!).

Batman (Tim Burton)

(Danny Elfman)

Danny Elfman é outro autor de trilhas cujas canções são inesquecíveis (assim como John, ele também fez parceria com um grande diretor de cinema, só que no caso, é o Tim Burton). Ele quem fez a trilha sonora de Edward Mãos-de-Tesoura, que vocês podem ler uma crítica sobre o filme aqui mesmo no Afontegeek.

Ou seja, se você lembra dos “uuuuuu” e aquele tom meio gótico, meio triste do “Mãos de Tesoura”, rapidamente associa ao próprio tema do Batman, que também é um clássico.

É engraçado que sempre lembramos mais do desenho do Batman ao ouvir essa música, que do filme (eu ao menos lembro mais do desenho rs). Isso porque se trata da mesmíssima música que também foi utilizada no desenho (que foi mudada mais tarde).

Mortal Kombat

Mortal Kombat: The Album (The Immortals)

E chegando quase no fim, creio ser esta a trilha “menos honrada” do nosso Top 7. Pois então, a trilha de Mortal Kombat foi feita pelos The Immortals (ou melhor, por Praga Khan e Oliver Adams, ambos produtores musicais belgas). No caso, essa música tema se chama Techno Syndrome (Mortal Kombat), caso alguém queria uma informação precisa rs.

E claro, foi justamente essa música que foi usada no filme de 1995 — porque na realidade, os The Immortals lançaram o álbum com essa música em 1994, e daí, ela foi utilizada no filme. Vai dizer que algum de vocês ai nunca ouviu?

As Aventuras de Tintin (desenho)

Menção Honrosa

E como menção honrosa, essa belíssima trilha sonora do desenho também mítico do Tintin. Por algum acaso o Jonh Williams (ele de novo!!) foi quem fez a trilha sonora do filme “As Aventuras de Tintim: O Segredo do Licorne” também dirigido pelo Spilberg. Mas como vi esse filme algumas vezes, não acho que o Williams tenha se baseado nessa abertura do desenho para fazer as canções do filme.

Voltando ao desenho, para quem não conhece, Tintin é uma série de livros feito pelo GENIAL Hergé, que rendeu mais tarde essa animação produzida pela Ellipse Animation (França) e pela Nelvana (Canadá) em nome da Hergé Foundation. Essa produção contou até mesmo com Philippe Goddin que é um especialista em Tintin.

tintin-e-milu

Bom mas… vamos imaginar que você não conhece o Tintin (como pode?!). Tintin é um jornalista que juntamente com seu cachorro Milu, desbrava o mundo atrás de furos de reportagem: como relíquias, enfrentar contrabandistas de drogas e até mesmo ir numa viagem à lua!

O próprio Spilberg é um fã de Tintin. Ele revela que descobriu a obra de Hergé logo depois de ter lido uma resenha aonde comparam o filme “Indiana Jones e os Caçadores da Arca perdida” a Tintin. Na realidade, o próprio Spilberg comprou os direitos das obras de Tintin e vinha “sonhando há anos” em fazer um filme baseado nelas. Na boa… não é à toa que sou tão fã, tanto do Indy quanto do Tintin.

indiana jones templebabe2

E ficamos por aqui senhoras senhores. Deixo a promessa de que em breve farei reviews dos filmes do Batman (feitos pelo Burton e pelo Nolan), de Indiana Jones e quem sabe, falarei um pouco de Tintin.

Abraços a todos!

Fontes (Wikipedia):

John Williams [Link]/ Bill Conti [Link]
Danny Elfman [Link]/ Mortal Kombat: The Album [Link]
As Aventuras de Tintin (desenho) [Link]
Rocky: Um lutador [Link]/ Karate Kid II [Link]
Batma, A Série Animada [Link]
As Aventuras de Tintim: O Segredo do Licorne (filme) [Link]

Top 25 Animes que Deveriam virar Filmes segundo os Japoneses!

Com o aumento de animes adaptados para o cinema (haja visto Ghost in the Shell não é verdade?), os fãs de Animes ajudaram a fazer um ranking daqueles que eles esperam, um dia se tornem filmes e apareçam nas telonas. Claro que a maioria dos filmes de animes se tornam completas aberrações, que o diga Dragon Ball Evolution, mas mesmo assim os fãs japoneses têm fé de que Hollywood acerte a mão — só Deus sabe porquê. Vamos à lista!

Top 25 Animes que Deveriam virar Filmes segundo os Japoneses!

sao

E mais uma vez num Ranking feito pelo BigGlobe, que parece sempre aparecer aqui no Afontegeek, hehe, direto do SankakuComplex. E imaginem só, o link ainda está no ar, pelo menos no site do Sankaku. Então na dúvida vão lá checar seus adoradores de Fake News! A lista já está aí há tanto tempo que eu acho que merece ser apreciada… ou odiada se for o caso e você gostar de odiar listas aleatórias.

De certo só duas coisas: eu não concordo com a maioria dela e deixo um pequeno comentário a respeito disso bem no fim do post. Acho que no mínimo vale à pena conhecer para gente ter aquela noção mais ou menos de como são os gostos dos japoneses: e de como na maioria das vezes eles tem um gosto duvidoso para anime.

E sim… alguns animes tem links com reviews e listas sobre eles aqui no blog. Só clicar nas imagens se bater a curiosidade. Por hora…

Vamos à lista!

1. Hyouka

2. Sword Art Online

3. Angel Beats! (tem Review no site)

kanade angel beats

4. Code Geass Lelouch of the Rebellion (tem Review no site)

Corram, Lelouch vem ai!

5. Fate/Zero

6. CLANNAD ~AFTER STORY~

7. Higurashi no Naku Koro ni

8. Guilty Crown (tem Review no site)

9. Humanity Has Declined

10. Love Live!

11. Toradora! (tem lista de Tsunderes no site)

12. PSYCHO-PASS

13. From the New World

14. The Ambition of Oda Nobuna

15. Lucky Star

16. The Pet Girl of Sakurasou

17. Another (tem Review no Site)

18. BTOOOM!

19. Accel World

Ahh saudade de você! rs

20. Hell Girl

21. Kill Me Baby

22. Penguindrum

23. Girls Und Panzer

24. Ga-Rei Zero

25. Jormungand

 

Fonte: [Link] SankakuComplex


O que eu achei da lista?

fonte:diogo4d.com
Imagem moe aleatória

Antes que me perguntem, eu não coloquei imagem em todos os animes por pura e simples preguiça mesmo. Não que eu não goste ou até não tenha visto os que não tem imagem — na verdade os que não têm imagem por “”coincidência”” (ou não) são os animes que eu não vi, mas o meu gosto pessoal não importa, não é verdade? E sim, alguns aí em cima têm links marotos. Vejam!

Outra coisa é que para ser bem assim sincero e amigo de vocês, eu preciso perguntar: é uma boa ideia insistir nisso de fazer filme de anime? Eu sei que Samurai X foi legalzudo e tals… mas cara, Hollywood (a DC/Warner no caso) não respeita nem quadrinhos que são obras ocidentais, quanto mais… Animes!

Clannad e Clannad After Story eu digo, mudaram minha visão de mundo
Por favor Hollywood deixe A MINHA NAGISA EM PAZ!

Mas comentando um pouquinho, devo dizer que até acho que os japoneses tiveram um bom gosto com as obras escolhidas. Temos duas obras Key/Visual Arts, autores que sou fã incondicional, sendo elas Angel Beats! e CLANNAD ~AFTER STORY~.

Engraçado que Clannad e Air tv já têm filmes (animados devo dizer), pela Toei Animation (o mesmo estúdio de Cavaleiros do Zodíaco e CDZ) mas eles são filmes meia boca na verdade. A Toei é horrível para adaptar animes de drama. De resto sim, acho que ambos merecem filmes…. Animados, é claro. Jamais feitos em live-action por Hollywood. Por favor, tirem os olhos de minha Nagisa!

Toradora...indico. A Taiga é sensacional
Toradora…indico. A Taiga é sensacional

A coisa é engraçada porque alguns desses animes até (como vocês viram) já ganharam adaptações em “anime-movies” ou quase isso, como foram aqueles ovas estranhos de Code Geass que ninguém sabia que Lelouch estava vivo — pelo menos se você fosse alguém que Não tivesse lido a minha review de Code Geass. Pobre coitado.

E também é interessante porque produtoras como a Type/moon que é dona das obras “Fate” acabou lançando uma série de filmes awesome e sensacionais chamada Kara no Kyoukai (Garden of Sinners) então meio que essa lista já é real… e ninguém sabe. Sem contar os filmes animados de SAO e Accel World… mas quem se importa com eles, né verdade? Eu não vi, prefiro o filme do Yu gi Oh!.

Agora sinceramente… um anime-movie de Kill me Baby? Ou um filme live-action de Kill me Baby? Japão… por que vocês nos odeiam?

ps: Kill me baby é um dos animes mais hilários que eu já vi. E não, não quero imaginar ele em live-action. NÃO!