Todos os posts de Admin TB. (eEUcomISSO)

Sousei no Aquarion – Review: Como ser mais Humano (video-podcast)

Sejam-bem vindos à review de Sousei no Aquarion em formato de video-podcast, postada no canal osEscudeiros (lá no youtube). Mas aqui mesmo no post vocês podem ver e ouvir o que nós falamos sobre o anime, alem de ver o videozinho. Vamo lá!

Sousei no Aquarion – Review: Como ser mais Humano (video-podcast)

Sejam bem vindos e bem vindas à review do anime Sousei no Aquarion, postada no canal oficial do Afonte Geekno youtube, OsEscudeirostv! Desta vez, eu, seu querido amigo do bairro o AdminTB me junto ao grande e sábio guru, MagoGivan, para discutimos em formato de podcast um dos clássicos animes de mecha.

Pois então,  fazemos uma review do anime desde sua sinopse, passando por momentos especiais e marcantes do anime, até chegarmos ao seu ponto máximo que é a Analise propriamente dita, o Sentido da obra, sempre com imagens e alguns videozinhos de Sousei no Aquarion para vocês entenderem bem do que estamos falando na hora.

sousei no aquarion– PARA DEPOIS DE VER A REVIEW  –

Se você já viu inteiro o podcast-review — incluso o finalzinho aonde falamos sobre o Sentido do Anime — quero fazer aqui algumas colocações sobre a Analise e a História do anime, começando….

sousei no aquarion mechaSobre o que Levava os Anjos à Guerra

Se bem recordo era algo que envolvia a Árvore da Vida e o Equilíbrio dela na Terra — se ela morresse, se temia que o Planeta em si e o Mundo dos Anjos fosse destruído. Daí os anjos, se bem lembro, entrarem em guerra com os humanos para fazer deles uma espécie de sacrifício para a tal árvore, que lembra um pouco a Yggdrasil dos deuses nórdicos.

A segunda coisa envolve o Touma

Ele não simplesmente parou e pensou “fudeu” como eu falei. Logo depois que a árvore foi para o saco, o Mundo dos Anjos foi destruído e mesmo a Terra começava a se despedaçar. Ele parou para pensar, porque pela primeira vez percebeu que os humanos também sentem, têm dor, paixão, amam, enfim, são pessoas assim como os Anjos. Esta foi a grande ‘virada’ dele que eu comentei no podcast, mas na hora esqueci de comentar qual foi o motivo dele ter mudado.

A terceira é meio óbvia: Reencarnação

Sousei no Aquarion acaba falando BASTANTE sobre Reencarnação, com a Silvia sendo a reencarnação de Cecile e o Apolo a de Apollonius… além claro de parecer haver um busca para consertar os erros que se cometeram nas encarnações passadas… Mas isso ficou bem claro durante o anime e acabamos não tocando no assunto porque é bem óbvio.

Espero que vocês tenham gostado.

Aquele Abraço!

Já conhece a iniciativa Os Escudeiros?

 

Os Escudeiros – O canal oficial do Afontegeek no Youtube!

Olá meus amigos e minhas amigas, como vão, vocês estão felizes? Pois é, finalmente o afontegeek estreia seu canal oficial no youtube, Os Escudeiros! Eu sei, o nome deveria ser algo como Afontegeek tv, ou afontefeek no youtube, mas depois eu explico melhor porque escolhi esse nomezinho. Enfim, vamos ao post conhecer a iniciativa Os Escudeiros!

Os Escudeiros – O canal oficial do Afontegeek no Youtube!

Depois de tanto tempo finalmente o afontegeek estreia de verdade, seu canal no youtube. Foram muitas dias de planejamento, pensamento e pesquisa (mentira) até que finalmente chegamos nesse nome, Os Escudeiros tv. Eu sei, nada a ver com Afontegeek, mas eu estava de saco cheio de ver geek, nerd e otaku nesse sites e canais no youtube por ai a fora.

Na verdade eu ando meio de saco cheiro do nome do site (geek) que muitas pessoas simplesmente não conseguem pronunciar e falam algo como “Gik” (“a fonte gik”) ao invés de falar “guik” (“a fonte guik”). Mas eu compreendo isso porque afinal esse é um nome em inglês e o burro fui eu quando deixei o antigo editor-chefe do site, o amigo ródi, manter o nome original da bagaça. Se antes parecia cool, hoje eu tô meio cansado desse nome.

Além disso, já tem trocentos e cinquenta milhões de canais e sites por ai com “geek” no meio, e enfim, resolvi mudar para Os Escudeiros (no intuito de defender o mundo nerd das forças do mal), unindo o site com o canal. Fui amplamente apoiado pelos amigos que fazem parte aqui da equipe do site, o Mago Giva, Aldair e acho que pierrotGluton também concorda, que chega de geek pelo amor de Deus!

E o que nós temos nos Escudeiros?

Como eu falei no post do patreon-padrim (que vocês podem ler seguindo o link aí) a ideia do canal é transformar as matérias escritas do site, em videos — para quem tem preguiça de ler, vai passar a me ouvir narrando e comentando os videozinhos que tenham a ver com cada review, top lista, enfim, etecetera.

Resolvi fazer isso porque depois de tantos anos, notei que muitos canais “geek e nerd” do youtube USAM o Afontegeek como referência (sempre citando… ou não!) e já que a galera quer ver videozinhos, vamo lá.

Além disso vamos ter os malfadados podcasts Animanerd, desta vez todos migrados para nosso canal do youtube. Assim como quaisquer conversas e encontros que possamos ter com inscritos ou futuros patrões e patroas aqui do site/canalzinho. Eu sei, o nome “anima-nerd” é bem nerd, mas já que é um podcast clássico aqui do site resolvi manter o pobre coitado desse jeito mesmo.

E o que mais?

Além de podcasts e matérias em video, teremos também aqueles feitos especialmente para o canal, mas não se espantem de ver (ou não) seus roteiros aqui no site também. Isso porque eu ainda gosto muito da plataforma e por mais que eu tenha mais liberdade nos videos (até para fazer piadinhas) não vejo mal em trazer algum roteiro para cá também, vez ou outra.

E claro, além de vídeos feitos especialmente para o canal, podcasts do animanerd, as noticias (se e quando tivermos noticias) sempre serão postadas no canal, porque eu acho mais fácil e mais simples comentar noticia em video do que fazer um post completamente feito para o site — acreditem, noticias dão maior trabalhão se você quer evitar fake news.

Mas e o site?

O site vai continuar ativo. Como já “spoilei”, sempre que tivermos reviews mais completas, complexas e abrangentes, elas sempre serão postadas aqui no site primeiro. Sejam reviews, criticas e até indicações, porque acho que quando precisamos falar sério é sempre bom começarmos primeiro com a escrita. E se me der na telha depois, posso até transplantar pro canal.

Acho que por enquanto essas são as noticias pessoal. Como vocês podem ver já temos alguns videozinhos lá, ou seja, nos visitem, deem like, se inscrevam e comentem também pra sabermos se estamos ou não no caminho certo, se é preciso mudar alguma coisa, enfim, a gente tá sempre afim de ouvir e escutar a todos vocês, leitoras, leitores, inscritos e inscritas.

Se o canalzinho vai dar certo? Eu não sei. Mas prometo que vamos nos divertir bastante nesse caminho novo.

Aquele abraço do seu amigo do bairro, Admintb!

Patreon e Padrim: Você quer ser nossa Chefa ou Chefe?

Alô meus amigos e minhas amigas, como vão? Eu sei que ainda não fiz nenhum post “normal” este ano, mas antes e primeiramente eu quero fazer uma proposta para os senhores e para as senhoras: Você gostaria de ser nossos chefes ou chefas aqui do site/página do facebook e futuramente do(s) nosso(s) canal do youtube? Acha interessante? Vamo lá então!

Patreon e Padrim: Você quer ser nossa Chefa ou Chefe?

Olá minhas amigas e meus amigos, como estão vocês? Tudo bem? Hoje eu quero falar de coisa boa, quero falar de tecpix. Não, sério. Eu sei que se você já frequenta nosso bloguinho/site há alguns anos (estamos no ar desde 2012 com alguns intervalos) então sabe que todos nós, seja eu, seu querido #admintb, o amigo Aldair, o grande mestre pierrotGluton e também o mago Giva (que desce dos 5 picos antigos para falar de anime) trazemos e fazemos conteúdo de qualidade.

Tanto nos podcasts, nas mini-reviews, indicações, reviews maiores, e até textos informativos e de explicação geral da cultura nerd-otaku (como o que é Anime Shonen, ou O que são filmes Space Opera), além de fazer listas interessantes sobre games; em geral, nós fazemos um conteúdo bem diversificado e de qualidade que procura entreter todos os públicos em geralzão, sem distinção étnica, religiosa, sexual, time de futebol e etc.

Nosso negócio é realmente falar do mundo nerd e do mundo de animes mas com aquele tchan mermo que no fundo, você só encontra por aqui.

Mas e o que vocês vão ganhar ajudando nóiz?

Sim, você mesmo Capitão!

A ideia é vocês terem acesso dos nossos textos ANTES deles serem publicados aqui no site, assim como também poderem dar (oo amiigo) pautas e sugestões sobre o que a gente pode/deve falar aqui.

Por exemplo, se você quer ver uma review sobre um seriado, ou uma indicação de um filme que ninguém conhece, você vai poder nos falar pessoalmente e a gente vai definir qual membro de nossa equipe pode fazer o textinho… ou não. Lembrem que é sugestão mas a gente vai ouvir de bom grado e até saber melhor do que vocês gostam.

Vocês querem uma review dessa obra-prima?

Se querem mais posts de cosplays (tem quase um ano que não faço mais posts assim) ou a volta daqueles textos enooormes que o pierrotgluton fazia sobre o inicio das temporadas de animes, poderão nos pedir em primeira mão!

Ou então uma review sobre o novo filme dos Vingadores, ou da HQ Reino do Amanhã, enfim, qualquer pauta que vocês quiserem poderão falar para nozes diretamente. Atém mesmo participar e produzir um texto que vai ao ar aqui no blogzinho de vossas autorias sobre algum tema, vocês poderão fazer casos seja vosso interesse e para mim seria bem dahora, né não?

Participação em Podcasts e Videos do “Canal”

Obviamente que br br hue hue não curte muito ler e a gente sabe disso. Principalmente com o advento do youtube ficou mais fácil ter uma informação até de qualidade sem precisar ler um artigo de faculdade. Além disso, falando com amigos e amigas meus mesmo, sinto que eles queriam participar de alguns podcasts e falar sobre experiências deles/delas em determinado assunto com a equipe do site.

E imaginem só? Vocês poderão participar dos podcasts! Claro que se quiserem podem participar daqueles mais doidos e de humor, mas também dos sérios com o das Reviews dos Animes de Aquarion, os Top animes Harém que fiz com o Mago Giva, ou até aqueles podcasts mais investigativos que investigamos temas que precisam ser melhor investigados.

E claro, poderão opinar também sobre Qual texto a gente deveria Transplantar para o youtube. Seria a Review de Haruhi Suzumiya ou os Top 15 Animes Ecchi? Além disso pode participar das gravações de áudio  para os vídeos caso assim desejar.

-Essas chances são de OURO quando posso virar seu chefe/chefa #admintb?

Depende de vocês meus caros amiguinhos e amiguinhas! A ideia desse post é perceber se a ideia do patreon/padrim, de vocês serem nossos chefes ou chefonas é de algum modo viável, ou seja, se vocês gostariam de ajudar noiz a manter o nível de qualidade do sitezinho aqui. A gente vai aumentar os posts, postar mais, ouvir o que vocês querem que a gente faça, enfim fazer o roda-roda girar.

Se você amigo ou amiga ai que tá me lendo tiver interesse em participar do patreon/padrim com qualquer dinheiro, seja o dinheirinho do pão, da pinga, do leitinho das crianças, bem cadinho de nada mermo (1 realzim), comente seja aqui mesmo no post ou na nossa página do facebook que vou ficar bem atento.

Se a gente perceber que há um interessante legal de vocês em ajudar nozes a continuar criando conteúdo de maneira mais assídua,  seja aqui, na nossa página do facebook ou no canal que estou montando, e tendo em troca todos essas coisinhas legalzudas que citei ai em cima (acesso antecipado, participação em podcast, sugestões, etc) ai vai ser bem dahorinha.

O que acham? Conto com vocês!

Resumos de HQ e Histórias de Guerras – Canal que o #admintb Narra!

Tu gosta de canais do Youtube? Que tal um canal maneiro que tem narrações (minhas no caso) sobre resumos de HQ, animes, e até mesmo histórias reais?! Pois é, o amigo Aldair que tem um projeto assim muito do legal me chamou para emprestar a minha voz. Vamo lá conhecer um pouquinho dele.

Resumos de HQ e Histórias de Guerras – Canal que o #admintb Narra!

Quem diria que eu ia virar narrador né não? Tô até emocionado ai que fui chamado pelo amigo Aldair (ele mesmo que costuma fazer posts aqui para o blog geralmente de coisas gore ou hentais) para fazer parte de um projeto dele, um canal no youtube em que ele faz resumos de animes, hqs, e até conta um pouco de acontecimentos históricos. O canal tá bem no comecinho mas eu tenho curtido ajudar o amigo na empreitada.

Basicamente eu leio o texto que ele manda, dou umas corrigidas, narro. Mas as edições muito maneiras, pesquisa, produção textual toda é do cara. É um coisa até admirável em minha opinião. Só não sei se vai dar certo para falar a verdade. Mas enquanto isso tenho me divertido um bucado. Até agora foram feitos 2 videos e o terceiro meio que já está pronto mas falta eu narrar. Sim eu sou um cara preguiçoso.

Wolf Moon

Essa aqui é uma Hq interessante. Não entendi bem a história mas no final quem é salvo é o princeso. Eu sei, já tô dando spoilers mas o video é praticamente… spoilers. Sim… o canal Summary Ltda basicamente é para pessoas que não viram ou não querem ver dos assuntos/ animes/ Hqs mas querem saber o que rolou na história com algum detalhe. Eu curtia muito fazer isso quando lia o antigo Batman Guide, Deus o tenha.

E você, curte histórias que não vai ler nem ouvir, mas quer saber como elas são?

O Atentado em Saravejo – O Estopim para a Primeira

Confesso que esse video fiquei meio com medo de fazer. Não só pelos nomes estranhos (eu acho que alguns eu errei a pronuncia) mas mais por causa da acuracidade histórica. Lembrem-se meus amiguinhos e amiguinhas de que eu sou professor, então gosto de manter as coisas o mais corretas possíveis.

Acredito que de maneira geral ele foi bem correto — os fatos são esses mesmos que são narrados por mim no “estopim” da Primeira Guerra. Confesso também que esse video gostei bem mais de fazer que o primeiro, porque História é uma coisa legal. Pelo menos eu acho que é. Sem contar que muitos dos fatos que Aldair pesquisou eu realmente desconhecia e foi meio surpreendente saber com mais detalhes como foi esse Atentando em Sarajevo (se lê Saraievo).

No fim até acrescentei umas coisas para contextualizar melhor os fatos. Sem duvida nenhuma vai ajudar muito quem quiser entender um pouquinho melhor o conflito.


Vai ter mais videos #admintb?

M I S T É R I O

Sim… inicialmente sim. Tem um de anime que só falta eu narrar mesmo, porque ele já editou, fez o texto, enfim. Negócio que ando realmente bem ocupado esses dias tanto, que até atrasei por mais de um mês meu primeiro post do ano aqui no afontegeek — mas quem sabe, sabe, e o site não parou.

Sobre mim… eu tô com umas duas ideias de canais meus mesmo, com edições porquinhas e diversão mil. Eu não sei editar videos mas quero me divertir um pouquinho na plataforma. A ideia é fazer um canal de gameplays da zoeira e um outro meio nerd na vibe do Afontegeek. O segundo já está mais encaminhado que o primeiro, mas não vou revelar muita coisa que não apenas o logo aí que vocês tão vendo.

Vocês querem ser meus Chefes?

E também é claro, quero muito esse ano abrir um Padrim e um Patreon para o site. Tô precisando de um ajudinha de custo pro leite das crianças e pra minha pinga de sexta-feira para manter o site ativo mais regularmente. O que acham? Pretendo fazer um post sobre isso ainda essa semana e tô com fé que vocês vão curtir.

Por enquanto é isso meninas e meninos, Fiquem com o canal Summary Ltda do Aldair, e tamo junto!

7 Truques e Simpatias dos Games para se fazer fim de Ano

Não deve ter melhor época para se falar de games que no final do ano, eu suponho. Pois então, sabe aquelas simpatias, magias e macumbas que as pessoas fazem fim de ano para atrair boa sorte, dinheiro, e etc? Resolvi trazer 7 delas mas que só funcionam caso você seja uma gamer ou um gamer… porque são dos video-games. Tá com duvidazinha, não acredita seu incrédulo? Vem comigo!

7 Truques e Simpatias dos Games para se fazer fim de Ano

Olá meus amigos e minhas amigas… quer dizer então que vocês vieram saber alguns feitiços, truques, magias e macumbas para se fazer fim de ano, não é verdade? Mas você é uma gamer ou um gamer, e acha que pular ondinha na praia, comer lentilha e essas coisas não fazem seu estilo. Afinal, você é true, mas truezão mermo, e se for fazer magias tem de ser as que envolvem aquilo que você mais gosta: games.

Pois bem, eu escolhi 7 Truques e Simpatias para se fazer nos games bem na época da virada do ano, que eu garanto, vão te fazer conquistar aquele empreguinho, arrumar aquela namoradinha ou pelo menos… dar aquela sensação boa de que venceu na vida. Mentira, com elas até Emagrecer você vai, só confiar em mim e fazer pelo menos uma das 7 (melhor seria fazer todas) que eu “agaranto” o resultado.

Vamo lá!

7 – Zerar Diablo

Não importa se você vai jogar o Diablo 1, o II que é considerado o mais amado pelos fãs, ou então o malfadado 3 que somente fãs roots  curtem jogar. O importante é vencer o cramulhão bem na virada do ano. Por que afinal, o que pode atrair mais boa sorte que vencer o diabo em pessoa em pleno 31/12?

Eu tenho certeza que você vai ficar bem feliz e contente de ficar nas catacumbas para vencer o capetão enquanto as pessoas chatas ficam pulando ondinhas.

6 – Matar na “faquinha” 7 oponentes em Counter-Strike

Como vocês podem ver, 7 é um número cabalístico. Se funciona na cabala e na magia em geral, funciona nos games também. Mas vai que você é uma pessoa que não curte muito esses games de catacumbas “rogue like”, e prefere um velho e bom fps dos tempos da lan house? Eu tenho uma macumbinha para você também.

Basta você entrar numa sala online de CS 1.6 e vencer seus oponentes… na faquinha. Se você vencer pelo menos 7 do jeito mais sinistro que tem no joguinho (lembrando que é apenas um JOGUINHO, pelo amor de Deus) vai conquistar tutu o que você mais dessa nesse ano de que vem.

Até aquele seu namorado que promete casar com você há 7 anos, vai casar. Sério. Não falha.

5 – Usar o Konami Code e o código ABACABB no Mortal Kombat de Mega Drive

Agora as coisas estão ficando mais roots. Bom… eu acho que as duas primeiras são mais difíceis que essa, mas usar esses códigos e macetes é roots no sentido mesmo da palavra.

Primeiro você tem que usar o clássico Konami Code em pelo menos 3 games antigos da Konami. Eu indico você usar no Gradius de NES, Super Gradius de… Super Nes e por fim em algum Contra de sua escolha. Zerar essas três pedreiras é opcional. Não deveria ser, mas o importante é usar o código pelo menos em 3 games para o truque funcionar.

Por fim você não pode esquecer de usar o código ABACABB que tem no game Mortal Kombat 1 de Mega Drive. Eu sei que o número 3+1, ou seja, 4, não é tão cabalístico quanto o número 7, mas façam as contas comigo: 3 é o numero da Triforce, mais 1 da Espada Mestra que dá 4. E como todos sabemos que Zeldinha é Sagrado, logo o número 4 também é.

4 – Zerar alguma Visual Novel que faz chorar pra Caramba

Digamos que você é daqueles solitários ou minas sozinhas que não gostam de ninguém, e nem gostam de games roots, fps, ou caçar o cramulhão nas catacumbas do inferno. Você é um cara que muito gostaria de ter uma namoradinha e tem muito tempo sobrando neste fim de ano… Eu tenho a solução para vocês dois (e não é ficarem juntos, porque isso seria muito fácil; true gamers não gostam de coisas fáceis, a gente sabe disso).

Pois então, eu indico para vocês jogarem algum “cry game”, daquelas visual novel japas que faz até caminhoneiro fã do Metallica chorar lembrando da mamãe, tipo o Yoga de Cisne. As que considero melhor para  vocês jogarem, são alguma da Key/ Visual Arts. Mas lembre-se, tem de ser até o final, todas as rotas e precisa zerar principalmente quando for a hora da virada, para você ficar chorando enquanto a Nagisa morre no joguinho e as pessoas comemoram na vida real.

Pode ser Clannad, Kanon… eu indico Planetarian que é curtinha e no dia 31 dá para chorar muito antes dos fogos. Porque como você sabe, se você chora no mundo virtual é porque vai comemorar no mundo real. Eu acho.

3 – Jogar algum Mario Kart ou algum Mario Party com os amigos em pleno Fim de Ano

Mas quer dizer que você não gosta de nada que eu falei até agora, porque você é um fã da nintendo, seu nintendista. E além disso você é daqueles sortudos que tem vários amigos, namorada, esposa, marido, família grande. Você é uma daquelas pessoas invejáveis que não deixa de amar video-games. Eu tenho uma boa simpatia para você.

Reúna a maior quantidade de pessoas na sua casa no dia 31 de Dezembro. Seus amigos, namorado, familiares que mais você ama e faça todo mundo jogar algum party game da nintendo até os fogos começarem. Pode ser algum Mario Kart, ou até o Mario Party 4 de gamecube (eu acho que o Super Mario Party de Switch também pode para a magia funcionar). Mas joguem todos vocês até causarem aquele clima de ódio, raiva e fogo nos olhos aonde ninguém ama ninguém e todos se odeiam.

Se alguma das pessoas ainda gostar de você depois disso, é porque é amor verdadeiro, e não inveja porque você pode ter um Switch e elas não.

2 – Zerar Castlevania 3 ou Dracula X em plena virada

Agora sim as coisas estão ficando realmente pesadas e vai dividir crianças de adultos, joio do trigo, true gamers de nutellas. Apenas aqueles ou aquelas jogadoras que realmente tiverem sangue nos olhos vão aceitar este desafio. Eu podia colocar a série Ghouls’n Ghosts, mas na verdade para o feitiço dar certo é preciso que você mate um vampirão no fim de ano. E não, Symphony of the Night não vai funcionar. Tire o cavalo da chuva.

Pegue Castlevania 3 de NES ou Dracula X de Super Nes e zere algum dos dois em plena virada. Não pode usar save state. Prepare seu papel de pão ou tire fotos do password com seu celular. E se você conhece bem a série Castlevania, então tem ideia de que estou falando dos games mais pedreiras que tem o Drácula no meio. Boa sorte. Você vai precisar.

1 – Zerar algum Street Fighter usando 7 Horiuguens

Eu sei que se chama Shoryuken, mas aqui todos nós somos gamers roots, né verdade? E agora vem o desafio mais desafiante de todos aonde voltamos ao número cabalístico sagrado.

Primeira coisa, você pode jogar qualquer Street Fighter, de qualquer época, qualquer versão. Você só pode usar o velho Ryu normal. Não pode ser o Ken, nem o Akuma, shinAkuma, não interessa, só pode ser o velho Ryu de guerra. E por fim, você tem que vencer pelo menos 7 oponentes da CPU com um Horiuguen bem no final, no último golpe.

Isso mesmo 7 Horiuguens bem no final para dar o golpe de misericórdia. Digamos que você pegue algum SF que tenha mais de 7 oponentes e você conseguiu finalizar os 6 primeiros com Horis. Guarde o último Horiuguen para o último chefão: seja o Bison, o Gill não importa.

Você tem que finalizar o último chefão com um Horiuguen para fechar os 7. Porque claro, enquanto outras pessoas pulam 7 ondinhas você finaliza Street Fighter com 7 Horiuguens. Tenho certeza de que fazendo essa simpatia você vai vencer na vida ano que vem!


E aqui eu termino esse post no maior estilo #paiAdminTBdosgames. Creio que você seguindo as 7 dicas ou pelo menos uma delas, mas ficando atento/a todas as regrinhas e requisitos, vai conseguir alcançar tudo o que mais sonha para este ano que vem. Porque ser um gamer você já conseguiu, agora tem que alçar novos voos na vida.

E eu preciso falar também que este post é uma brincadeira, uma zueira e tudo mais? Sei que não. Feliz ano novo a todos, saúde, sorte e paz. E talvez eu mesmo faça alguma dessas simpatias… tô precisando.

Abração!

Top 5 Coisas Nerds que te lembram o Natal

Ah… aqueles temas de natal. Coisas que só vemos ou lembramos que é natal, porque acontece justamente nesta data. Mas não estou falando da música “Então é Nataaaal”, nem dos especiais do Roberto Carlos. Tô falando de coisas que já fazem parte do mundo nerd. Eu sei, tá meio confuso. Vem comigo e vamos ler esse Top de Coisas Nerds que vamos entender direito!

Top 5 Coisas Nerds que te lembram o Natal

Olá meus amigos e minhas amigas quer dizer que “Então é Natal”, não é verdade? Resolvi fazer mais um post de Top alguma coisa, porque meio que me deu na telha e também porque eu queria falar algo sobre o natal, sem ter de apelar para curiosidades ou coisas do tipo. Daí eu pensei, que tal falar de coisas do mundo nerd, que automaticamente lembram o natal? Pois é.

Eu sei que é bizarro e muitas dessas coisas, não vão lembrar vocês que é natal, mas de alguma forma eu sempre lembro que a data está perto quando vejo algumas delas em algum lugar da cultura pop: filmes, seriados ou mesmo em comerciais de tv.

E se vocês discordarem de algumas dessas coisas não precisam se fazerem de rogados, comentem, discordem, e digam mais coisas que te lembrem que é natal. Mas não sejam óbvios: a gente sabe que o urso de uma certa marca de refrigerante nos lembra a data.

Enfim, vamos ao post!

5 – O Eric de Caverna do Dragão vestido de Mestre dos Magos

Possivelmente este o item mais sem noção da lista, e não tem mesmo nada a ver. Eu nem sei se o episódio que o Eric se torna o Mestre dos Magos… é natal. Mas por algum motivo bizarro sempre que vejo ele de vermelho, eu penso em Natal. Claro, também tem aquele padre que as fiéis adoram, mas eu olho para o Eric vestido de vermelho e falando de modo zueiro, e penso em natal.

Pode ser por causa da roupa vermelha… enfim, nunca saberemos.

4 – O doce em Forma de J

Vocês já viram esse doce aí na foto vendendo aqui no Brasil em algum lugar? Esse é o tipo de coisa que a gente só vê em filmes/seriados americanos, e quando eles aparecem na tela é porque… é natal. Mais ou menos quando está nevando lá fora em algum episódio (eu aqui me lembro de um do Maluco no Pedaço, não sei porquê), mas junto do fato de estar nevando… tem que ter esse doce em forma de Jota, ou em forma de bota.

Que gosto será que ele tem? Será que dá para mastigar ou é tipo um pirulito? E o formato de Jota, porque será? Eu até acho que sei o motivo, mas vou deixar vocês na curiosidade mórbida.

3 – O cara do comercial de Panetone

Esse daqui sinceramente, quando aparece na televisão é certo que o natal está próximo. Obviamente que não vou falar a marca do Panetone — porque ela não está me patrocinando… não que eu não gostaria, se ela quiser me patrocinar só me mandar um email — mas sempre que vemos um comercial sobre Panetone com este bendito deste ator, é porque o natal é logo ali.

Eu me peguei pensando nisso outro dia quando estava numa consulta médica. Estava lá esperando quando de repente vejo este senhor num comercial… dessa marca que vocês sabem. Foi quando me deu um estalo: “O natal já deve estar bem pertinho mesmo”. Eu tenho certeza que cada um vocês pensam a mesma coisa quando veem um comercial com este ator, vendendo panetone!

2 – Especiais de Natal

Este post é um deles, aliás. Até fizemos aqui um especial de 10 filmes de natal, que eu recomendo vocês verem. Mas é batata. Tudo que é seriado, filme, desenho, praticamente tudo tem algum especial de natal. Desde desenhos brasileiros até mesmo filmes em animação como Shrek — aliás esse especial do Shrek só tem uma coisa boa: o rei baixinho.

Eu de cá gosto muito daquele filme Christimas Carol da Disney, sabem qual é? Que tem o Tio Patinhas. Meio que o natal para mim começa quando vejo esse desenho circulando em alguma grade de televisão. E querem saber? Eu paro para assistir. Claro que hoje em dia têm muitos filmes de natal, especiais em desenho/seriados e coisas do gênero, que possivelmente eu não vou ver porque sou um velho chato. Mas esse do tio Patinhas vou sempre recomendar.

1 – Macaulay Culkin

Sim… é ele!

Se você discordou de todo meu top5 até agora eu tenho certeza que que aqui vai concordar. Não importa a idade, a época do ano, o dia em específico, se você ver o ator Macaulay Culkin em algum lugar, você vai lembrar de natal. Eu garanto que até ele mesmo quando se olha no espelho pensa em Natal!

Claro que por ser um ator mirim depois ele acabou optando por uma vida de ostracismo, mas é certeza que até hoje quando alguém ouve falar dele, lembra do Papai Noel, do Esqueceram de Mim, de atrapalhadas e aventuras de montão. Eu tinha que colocar ele na lista e vamos falar a verdade, um dos grandes motivos de eu fazer esse post foi porque ele apareceu recentemente (porque é natal) num dos vídeos do Angry Video Game Nerd como, “Entregador de Pizza”.

Recomendo vocês verem esse episódio do AVGN… que já se tornou um clássico assim que foi ao ar.


jessica nigri cosplay mamãe noel sexy super sonico xmas

E fico por aqui pessoal. Se vocês quiserem ver curiosidades, acreditem ou não, eu conto a origem e a história da Mamãe Noel no post de cosplays… da Mamãe Noel. Eu sei que é bizarro, mas tem a origem do Papai Noel também. E claro, recomendo deveras que vejam o especial de 10 filmes de natal do site. Ele continua atual e possivelmente eu veja algum dos filmes este dia 25 de dezembro.

Além disso, desejo a todos sucesso, vitórias, saúde e um natal de muito amor para você, e aos seus (ou suas) que você mais amar. Natal é um dia de família, amor, e de receber e dar presentes. Felicidade a todos, Deus conosco.

Abração!

Autor de Nazo no Kanojo X lança Novo Mangá: Ookumo-chan Flashback

Dá até saudade dos tempos que eu acompanhava as noticias diariamente. Enfim, o autor de Nazo no Kanojo X, Ueshiba Riichi, lança novo mangá na Afternoon, a mesma revista que ele publicou a história da Urabe. O mangá se chama Ōkumo-chan Flashback. Vem comigo para saber um pouquinho mais dele

Autor de Nazo no Kanojo X lança Novo Mangá: Ookumo-chan Flashback

Pois é meus amigos e amigas, se vocês esperam a continuação do mangá de Nazo no Kanojo X eu sinto tirar vossos cavalinhos da chuva, porque Ueshiba Riichi seguiu adiante e já está publicando desde 2017 na afternoon (uma revista de mangás seinen japonesa, em que ele publicou Nano Kanojo X e também foi publicada Ah! Megami-sama) a sua nova história com o nome estranho “Ookumo-chan Flashback” ou “Ōkumo-chan Flashback”.

Dessa vez a história é centralizada no estudante Minoru Suzuki que está cursando o primeiro ano do ensino médio. Acontece que de vez em quando ele tem visões de sua própria mãe…

Só que no passado, quando ela era uma estudante do ensino médio. Calma… lembrem-se que se trata de um mangá Seinen… e se é para deixar aqui uma informação que vocês não encontram por ai… a mãe dele é uma mangaká.

Olha a mãe dele aí

O mangá parece que já está no cap.13 e apesar do hiato que de vez em quando sofre na tradução para o inglês, continua retendo uma quantidade boa de leituras. E o que mais posso dizer? É o Ueshiba, o mangaká que adora tratar de assuntos difíceis.

Agora… Meio que me faz pensar o porquê que ele quis retratar uma mãe mangaká meio milf… será que ela vive sozinha com o filhão? Acredito que sim. Isso meio que aumenta minhas suspeitas do Ueshiba ser uma autora.

Mas são só suspeitas.

Fontes: Página do Afontegeek/ Animefagos/ MAL/ ANN

Star Wars: Review de A Vingança dos Sith (Episódio III) – Cumprindo o seu Destino como Darth Vader

Lá vamos nós senhoras e senhores, para mais uma review dos filmes de Star Wars, desta vez a resenha de A Vingança dos Sith, episódio III, o último da filmologia presequel, ou como eu prefiro, o último dos filmes dos anos 2000. Será que ele foi melhor que a tragédia chamada Episódio II? Será que Anakin tornou-se o “herói” que era esperado em Ameaça Fantasma? Vem comigo!

Star Wars: Review de A Vingança dos Sith (Episódio III) – Cumprindo o seu Destino como Darth Vader

Quer dizer que vocês já estão aqui comigo na última review dos filmes Star Wars dos anos 2000? Pois então vamos sentar e desbravar um pouco mais deste clássico longa senhoras e senhorios.

Igualmente dirigido e roteirizado pelo próprio Lucas, assim como foi o episódio II, a primeira coisa que eu devo dizer é que o roteiro está ok, assim como sua direção.O que é um alívio na verdade. Até me surpreendi com a qualidade principalmente do roteiro e da história em si (o enredo), que são muito bons se comparado ao episódio II.

E já que declarei amores iniciais ao filme acredito que os leitores já estão adivinhando que Lucas nos deu o que mais desejávamos: Wars, em Star Wars. Lucas pode não ser mestre em muita coisa, mas é mestre em saber o que seus espectadores esperam.

Anakin preocupado com o que eu falo dele no texto

E como já é de costume, vou tentar mostrar coisas que poucas pessoas  falam e dar um fechamento a esta trilogia do milênio.

Vem comigo.

Consertando os erros do Passado

Na minha última review ficou bem claro que tanto o roteiro quanto a direção do longa de 2002 são ruins. Falas muito meladas, declarações de amor ultrarromânticas, seguidas pela tentativa pífia de contar uma história de amor enquanto Obi Wan queimava os fundilhos atrás do caçador de recompensas…

Sem contar o próprio sentido do Ataque dos Clones, que ao invés de nos dar a Guerra Clônica, nos pediu para que nos contentássemos em saber como ela começou: como a política é um circo de leões e que histórias de amor podem ser ultra-chatas.

Talvez sabendo que episódio II tinha mais amor que guerra, e quase nada de explicações sobre diversos temas, Lucas finalmente percebeu que não é isso que Star Wars se trata. Star Wars se trata sobre família e sobre guerra. Sobre sabres de luz e estrelas da morte. E não sobre politicagem e contar a história de como a República Romana caiu. Ele continua contando mas isso se torna spin off dentro do episódio III.

Não por acaso o foco foi realmente guerras e dramas familiares, mais principalmente sobre o medo de Anakin em perder seus entes queridos — e de como é difícil para alguém crescer frustrado por nunca se tornar o Pelé que haviam dito que ele se tornaria; ou o Fangio. Ou o Jordan. Vocês entenderam.

Calma gente, ele tá frustradinho

É interessante como um diretor/roteirista percebe aonde errou e tenta colocar de volta os pneus no traçado da pista.

Mas antes de ir para os finalmentes, vamos aos pormenores

No texto anterior perguntei se o episódio III nos explicaria porque o conde Dookan (interpretado genialmente pelo Christopher Lee, que infelizmente nada apareceu neste longa) contou todo o grand design para Obi Wan. E como eu “adivinhei”, ele não explica. E pior.

Se Dookan fazia jogo duplo com Darth Sidios, e a Federação do Comércio só queria se vingar dele (por ele os ter enganado no primeiro longa), por que eles voltam a confiar no Darth Sidius? Não era mais fácil procurar os Jedi, contar a história toda e acabar a guerra? Mind blowing, não interessa saber o porquê, só aceite.

Mas na verdade a Padmé é o Grande Problema dessa trilogia milenial. Rainha aos 14 anos (igualzinho ao D. Pedro II)… mas Rainha ELEITA. Senadora que era contra à república ter um exército e que não está nem aí, quando seu suplente é o principal responsável à criação do exército. Agora o mais perturbador é que sendo “da paz e contra guerras e exércitos” ela não liga do Anakin assassinar crianças e mulheres. Duas fucking vezes! Mas vou voltar ao relacionamento deles mais tarde…

Saindo um pouco da Padmé… um Conselho Jedi que não sente um Sith é basicamente o que Palpatine fala para o Yoda perto do fim do episódio III: “Seu orgulho te cegou!”.

E como eu também falei na review anterior, isso não faz o menor sentido. Mas Lucas percebeu que esses furos já estavam feitos. Não há como você contornar erros numa história. O melhor que você pode fazer é acertar o enredo para contar o que seu filme deve contar.

Se a Direção e o Roteiro estão de volta aos trilhos, falta…

Caretas

Boas atuações. Como eu venho falando nos meus textos anteriores, coisa que o próprio Lucas também já disse, Star Wars fala sobre questões de família dentro de um épico espacial. E finalmente temos isso de volta. Na verdade o episódio III é necessariamente a continuação do episódio I — ou seja, uma jornada de crescimento do “herói”, que no caso é o Anakin.

É engraçado isso porque na trilogia original não se trata bem de uma “jornada de crescimento” do trio ternura (Luke, Leia e Solo) mas sim de uma clássica jornada do herói… dos três.

Mais caretas

No caso da trilogia milenial (tirando o episódio II porque este se atém muito à política) a história se passa envolta ao Crescimento do Anakin. Que foi belissimamente interpretado pelo guri Jake Lloyd, mas terrivelmente vivido pelo Hayden Christensen.

Meu Deus… eu lembro que reclamava muito da atuação da Natalie Portman e não entedia o motivo dela atuar tão mal (em 2005 ela também fez V de Vingança). Mas assistindo com um olhar crítico  você percebe que no episódio II ela estava estranhamente desconfortável ao lado do Hayden, que atuava bem mal, o que fazia ela… não ligar muito ao dizer coisas clichê como “vamos morrer juntos”.

…e mais caretas. Vai num banheiro meu filho!

Mas o III como eu expliquei, é o retorno ao trilho da pista. Drama familiar e Wars. E como falei no episódio I, o filme é todo sobre a sensação que aquele menino é muito perigoso para ficar sozinho, mesmo que ele seja tão bonzinho e tenha salvado Naboo. Ou seja, Lucas PRECISAVA de Anakin, porque a história é sobre o nascimento de Darth Vader. Lucas necessitava de boas atuações do Hayden, porque o filme é sobre como Vader surge.

Violência Doméstica e os finalmentes

E nós temos o que a Natalie (que atua aqui como a mulher mais submissa que eu já vi… e atua muito mal como mulher submissa) já havia percebido. Que o Hayden só sabia fazer caretas. Caretas para dizer que está com raiva, para dizer que está triste; para dizer que queria fazer cocô. Ainda bem que Obi Wan está do nosso lado.

Obviamente que num relacionamento tão ruim, numa história de amor impossível, que começou errado com eles jovens demais, terminaria mal. Maria da Penha no Anakin, Obi Wan!

Pega ele Obi Wan

Eu sinceramente não consigo entender os fãs que gostam mais da Padmé que da Leia. Cara… no fim do filme ela sabia que Anakin tinha matado crianças 2x. Padawans e crianças do povo da areia.

Sabia que o cara era mal e cruel (de uma forma bem mal atuada, mas era mal e cruel) e mesmo assim diz: “Vamos fugir juntos Anakin, esquecer de tudo, eu te amo, eu te amo”… eu chego a entender porque a Natalie atuava mal. A Padmé é um personagem quebrado (mulher de ladrão?). Diz querer a paz, mas aceita o maridão psicopata.Engraçado também que Anakin faz tudo pelo medo de perder Padmé, e ele mesmo acaba por bater na sua própria esposa. É irônico. Na verdade todo esse drama familiar do surgimento do Vader com a guerra ao fundo, os Jedi tentando tomar o poder para impedir que um Sith tome primeiro é muito bom! Esse enredo meus amigos é excelente.

E põe para pensar também… Os Jedi iriam destituir o senado, matar o supremo chanceler… pela democracia? Iam mesmo? Ou só é um ponto de vista?

Pega ele Samuel L. Jackson!

Conclusão: Sith, Jedis e Darth Vader

Uma pena que dentro deste enredo excelente o Hayden estraga tudo, né verdade? E a Natalie em certa parte, porque devia ser chato para ela (mesmo ela sendo uma atriz, e atrizes não ficam chateadas), fazer uma esposa submissa ao seu marido psicopata. Enquanto enredo da história, chega a ser poético. Se eles tivessem atuado bem…

Voltando um pouco ao que falei na review do Episódio I, Liam Neeson, o nosso Samurai Hippie, havia descoberto aquele Guri que poderia trazer uma ruptura na força, sendo que ele mesmo, Liam Neeson, achava que havia algo errado e por isso não queria fazer parte do Conselho Jedi (crença que o Conde Dookan também repete no episódio II). Mais tarde, Obi wan, crendo na profecia, acreditava firmemente que ele traria equilíbrio.

Pensem bem. Uma Republica Galática fragilizada. Políticos como ratos. Uma Federação do Comércio que tinha razão em fazer suas disputas e depois foi enganada por um Sith. E o principal, Jedis que queriam destituir o senado e matar o chanceler para fazer uma “transição pacífica”, de volta a um tipo de democracia que eles Jedi, queriam. Bom… ao menos lutavam por Democracia, e não por uma “causa” como nos filmes da Disney…

Mas vou ser claro: quem tinha poder de verdade na Republica Galática era o Conselho Jedi. Eram os Jedi que botavam medo aonde passavam, mostrando seus sabres de luz como um PM mostra sua arma. Aí um Sith foi lá e com ajuda do escolhido pela Força, colocou a balança de volta aos eixos, porque como dizia o tonto do Anakin, Jedis não deveriam ser maus.

Essa batalha, Yoda vs Palpatine, mostra o quão cego yoda estava por ser mais poderoso na força que o Imperador. No fim… ele perde porque caiu de um lugar alto!

Meus amigos e amigas, de modo irônico Lucas nos diz que Darth Vader restaurou a balança da Força. Jedis devem ser caras legais e não cegos pelo poder e pelas suas habilidades. Infelizmente Anakin se destruiu enquanto pessoa no processo ao cair no abismo, como eu falei na review do episódio VI. Coisa que Luke nunca fez.

Mas Lucas nos deu em troca um dos épicos espaciais com um dos enredos mais sensacionais que já vimos.

Melhor cena do Filme

Aquele abraço pessoal!