Tsubasa Chronicles – Review: É um Anime Muito Clichê?

Quem gosta de Tsubasa Chronicles ai? Pois é, neste texto vamos falar um pouco da história do anime/manga, falar um pouquinho sobre a recepção do público, e bem, dissertar sobre o primeiro episódio do anime! Boa Leitura!

Tsubasa Chronicles – Review: É um Anime Muito Clichê?

tsubasa chronicles

Finalmente vou começar a seção “Piores Animes que já Vi!“. Primeira coisa que eu devo dizer aos fãs com vontade de me trucidar, que este texto se trata tão somente da minha opinião pessoal, meu gosto e blábláblá. MAS, antes que comecem a “me bater”, devo dizer que minha opinião será baseada em argumentos e premissas lógicos, logo, vai dar um “trabalhinho” bater “ni mim”.

Primeiro eu sei de alguns fatos

tsubasaO Anime de Tsubasa acabou tendo diversas mudanças com relação ao mangá, inclusive o nome, vejam só. Coisas foram cortadas, como o sangue das lutas, e até, acho eu, os personagens parecem “alongados”, mais “grandões mesmo” com relação ao original.

Muitas dessas mudanças se devem porque o anime passou na NHK que se bem lembro, é uma tv educativa/pública — não ia pegar bem ver sangue e ‘amor’ num desenho que passa na tvCultura Nippon. Meio que eu entendo bem essas mudanças. Parece que até o horário não era viável: passava muito cedo.

Também devo acrescentar que Tsubasa e xxxHOLIC — este que eu não vi, mas dois amigos meus viram e gostam bastante — são interligados.

E aqui meus amigos, começa minha critica

Duas histórias é meio complicado?

Duas histórias é meio complicado?

A ideia é genial. Contar num mundo paralelo, as histórias de Syaoran, Sakura e seus friends, mas dentro de uma perspectiva Shonen, e além disso, poder transportar estes personagens para outros de outro mangá, no caso xxxHOLIC e a sua “bruxa das dimensões”.

Parece realmente a ideia mais genial do mundo, inclusive, para trazer àqueles fãs que gostaram de Card Captors Sakura, Chobits e tudo mais. Mas caros amigos, como acompanhar duas histórias diferentes? Este é o primeiro ponto. Nem quero imaginar a pressão que era ler duas histórias.

tsubasa facepalm Ep52Então como “ideia” a coisa parece ser genial. Mas como FATO parece ser no mínimo bastante difícil se ver as duas. Sem contar a incrível repetição de personagens, que convenhamos, é preguiça de criar/desenhar personagens diferentes.

Além disso — vixe! — quem lê um Shonen? Sabemos que é destinado a “garotos jovens”. Mas xxxHOLIC não é um Seinen? Como fazer duas histórias serem uma, para públicos diferentes? Aqui eu acho que meu argumento é frágil — um fã dos personagens não se importaria.

Difícil de fazer, difícil de ler, ‘repetitivo’ até certo ponto por serem as mesmas personalidades em universos diferentes. Por que fez tanto sucesso? Creio que assim como procurar as “Cartas Clow“, procurar a “Mente de Sakura em forma de asas” deve atrair o leitor — rapaz eu achei isso o BICHO! Mas sejamos sinceros…já vimos esse filme, não?

Nossa..só tô batendo e nem falei do anime

Sakura pronta para ser salva!

Sakura pronta para ser salva!

Pois é, antes que alguém me pergunte, não vi o anime inteiro. Faltou-me paciência. Falando a verdade, não passei do Primeiro episódio, que começo a relatar agora:

Achei o começo genial. Meio rosado e com as musiquinhas, muito boas por sinal, sempre ‘entrando no momento certo‘, mas até ai nada de mais. Gostei do ‘love’ entre Syaoran e Sakura, dele ser “arqueólogo” e tals. Também tinha aquela tensão que os outros reinos participariam de uma busca que envolveria a ‘bruxa das dimensões’, vi tipo, “olhaa, legalzudo”.

Gandalf é você?

Gandalf é você?

MAS AÍ, apareceu…o Lelouch! E era o irmão da Sakura!!! Bomm tuudo beem. Mas então também surgiu o Yukito!! A coisa tava ficando cada vez melhor. Até chegar a linda cena entre Lelouch e Yukito, quando a Sakura foi dormir, ou saiu, e Lelouch com um cara de “ahaam” falou para o Yukito: “Finalmente estamos aqui sozinhos“, ahaaaam! rs

Nossa, se eu já estava quase rindo do começo rosinha com as músicas milimetricamente colocadas, a partir daí foi riso o episódio inteiro.

Eram cenas como: “DO NADA” aparece Lelouch com uma espada para ajudar o Syaoran, e lutando demasiadamente fodão, do lado o Yukito dando uma de Gandalf, aquela correria…e o melhor: um dos manolos dos outros reinos, malvadão.

Agora a última cena do episódio, e tenho CERTEZA que os fãs não notaram: Todo mundo chega em bolinhas rosinhas na casa da “bruxa das dimensões” vindos de cima — de cima da ‘onde’, ninguém sabe — menos o manolo malvadão de um dos reinos. Nãao, ele é mau, ele vem DE BAIXO, from Hell, rs! E para completar — esse diretor é um gênio — ele faz uma pose fodástica exatamente na hora que a músiquinha termina.

Nessa hora eu não estava mais me aguentando de rir. Eu e meu amigo Rodrigo, pausando cada cena sen-sa-ci-o-nal para rir e comentar. Ou seja, não tinha mesmo como continuar depois de uma maravilha dessas tão lotada de clichês.

Para finalizar

tsubasa_chronicle_shunraiki-42218

100% das imagens que achei: Syaoran com cara de “Lelouch”, Sakura com cara de coitadinha — clichê!

Eu sei que tanto o manga de Tsubasa RESERVoir CHRoNiCLE quanto xxxHOLIC devem ser grandes histórias. Mas creio que deu muito trabalho para acompanhar ambas. Também acho uma pena que fizeram uma adaptação tão ruim de Tsubasa, o que não aconteceu com o segundo — porque xxxHOLIC parece ser consenso: manga/anime como uma das melhores obras das Clamp.

Muito Chi não é?

Muito Chi não é?

Uma história com universos paralelos, contada pela visão de Syaoran tentando salvar sua amada Sakura, sem mais o kawaai ou moe de Card Captors, com uma pitada de HOLIC, com certeza dava para ser um bom anime. Mas adaptações são assim mesmo. Algumas não respeitam os mangakás, e creio que essa foi uma delas — assim como a TERRíVEL adaptação de Yume Tsukai!

Por fim, não retiro nenhum de meus argumentos sobre a ‘boa ideia’ que foi unir duas histórias, mas que a realização não deve ter sido nada fácil, tanto para as Clamp, quanto para os leitores. Também não tiro os clichês da história como salvar a donzela e tudo mais. E haja dor de cabeça…

Abraços!

4 Respostas para “Tsubasa Chronicles – Review: É um Anime Muito Clichê?

  1. Sou uma grande fã das obras da CLAMP, de forma que acho fascinante toda a trama que envolve os mangá’s, que acabam se interligando, forçando o leitor a ter conhecimento de todos eles (Principalmente HOLIC e Tsubasa) para entender os acontecimentos. Confesso que realmente há uma dificuldade em acompanhar os dois, principalmente na época em que eram lançados(Visto que Tsubasa acabou),mas com algum esforço isso se torna algo possível, e o fato de a historia atrair tanto o leitor, acaba facilitando esse ‘trabalho’ que é acompanhar os dois mangá’s.
    Com relação a adaptação de Tsubasa para anime, concordo completamente com você. O traço do anime é muito feio, e isso é mais do que a forma alongada dos personagens, pois em HOLIC também há essa característica, e nem por isso se torna algo doloroso aos olhos como Tsubasa é. Isso sem contar nas alterações na historia que o anime traz. Eles chegam a ‘quebrar’ uma lei que é explicitada no mangá: Não se pode passar duas vezes no mesmo mundo, uma vez que o preço a ser paço é muito alto, e no final do anime eles voltam a um mundo que eles visitaram no começo. No entanto, os OAD lançados de Tsubasa, que seguiam COMPLETAMENTE o mangá e tinham traços bem mais bonitos aos olhos, me deram verdadeiramente aquele sensação de ‘Woo Os personagens que eu amo estão realmente falando e se movimentando!!!!’.
    Com relação a repetição dos personagens, eu não vejo problema. Chego a gostar dessa mistura que as autoras fazem entre seus mangá’s, e isso já é uma marca delas, visto que acontece muito em suas obras. É como assistir dragon ball, e não ver o Goku falar ‘Oi, eu sou Goku’, nenhuma vez. Não consigo ver isso como algo que desvalorize o conjunto como um todo. Acho até que o beneficia, como aconteceu em Blood C, que foi uma obra meio que fracassada da CLAMP, mas chegou a ter algum crédito, por conta do Watanuki de HOLIC aparecer nela. Sei que as autoras se usaram de um projeto bem sucedido para salvar outra não tão bem sucedido assim, mas não consigo me chatear com isso. Até porque não gosto de Bllod C, mesmo sendo uma obra das autoras que eu tanto amo.
    Sei que o comentário ficou extremamente grande, mas eu meio que não consigo me controlar quando falo das coisas que gosto (Sorry ^^’). Por fim, ainda que Tsubasa esteja recheada de clichês, e que os personagens não consigam agradar a todos os gostos, acho a historia simplesmente fantástica do começo ao fim. A forma como os fatos acontecem, os sentimentos dos personagens sempre levados ao extremo, personagens esses que acho que são bem trabalhados no decorrer da historia, principalmente o Fye, e o jeito como algumas coisas conseguiram me surpreender no andamento da trama, tudo isso faz com que eu simplesmente ame Tsubasa. E é justamente por adorar tanto essa obra, que digo para desconsiderar o anime, pois o mangá é bem melhor, principalmente quando se é capaz de fazer a associação com HOLIC.

    Beijos.

    • Zayla que comentário lindíssimo. Bom, eu confesso que não sou muito fã das meninas da CLAMP — apesar de ter gostado muito de Chobits — tenho alguns amigos q adoram demais HOLIC, sem contar minha infância vendo Sakura Cards Captor. Lindo comentário mesmo, e como fã de alguns autores — sou um fã completo de Ueshiba Riichi e dos autores da Key/ visual arts, sem contar Star Wars, Batman, hehe — compreendo totalmente a sua paixão por elas.

      Sempre que vc quiser, venha e coment aq no blog, não se preocupe com o tamanho dos comentários, pq são opiniões lindas e bem feitas como a sua que enriquecem o Afontegeek. Pode fazer txts grandões, tem toda a liberdade😉

      Volta sempre Zayla, um bjão menina!

  2. Cheguei aqui pelo google images quando procurava alguma imagem referencia sobre esse anime e em meio a um monte de “super campeões” eu achei a terceira imagem do post, li um pedaço do titulo, me interessei e acabei aqui, quando eu li o titulo inteiro me bateu um arrependimento mortal kkkkk, pois tenho certas experiencias com criticas negativas a alguns animes… continuei lendo, mesmo com raiva do titulo (não me dou bem com criticas negativas…), só pra ter material pra te espancar nos comentários kkkkkkkkkk, ai de cara eu leio aquela introdução sobre “é minha opinião se conforme com isso” daí minha vontade de te espancar subiu mais um pouco porque sempre depois disso vem merda, MAS NÃO VEIO!, enfim, pode ter ficado confuso, mas eu gostei muito do que li e dei risadas o tempo todo, estou com muita vontade d ver esse anime,porque acabei de terminar xxxHolic (temporadas, filme e OVAs) e tava querendo algo mais, já que as historias são conectadas pensei em ver.

    • Que bom que você teve alguma paciência em ler o texto em mano, rsrs. Realmente eu me diverti um pouco em escrever essa crítica, principalmente quando falo do primeiro episódio. Também tem um comentário muito bom ai de uma leitora que eu indico todo mundo ler.

      abraços e viu como foi bom ler o texto? rsrs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s