Andrew Garfield: Conheça a vida e a carreira do novo ator do Homem-Aranha

Se você foi assistir ao O Espetacular Homem-Aranha e saiu da sessão com um novo ídolo nas telonas, AfonteGeek fez esse especial mostrando os filmes do ator Andrew Garfield o novo Peter Parker/Homem-Aranha.

Andrew Garfield: Conheça a vida e a carreira do novo ator do Homem-Aranha

Andrew Garfield

Garfield nasceu em Los Angeles, Califórnia, de uma mãe britânica, de Essex, e um pai norte-americano, da Califórnia. Sua família se mudou para a Inglaterra quando ele tinha três anos de idade. Garfield é judeu e foi criado em um lar de classe média. Seus pais tinham uma pequena empresa de design interior. Seu pai, Richard, mais tarde se tornou o primeiro treinador do Clube de Natação da cidade de Guildford e sua mãe é professora assistente em uma creche. Garfield foi criado em Surrey, na Inglaterra e foi um ginasta durante seus primeiros anos. Ele estudou na City of London Freemen’s School, em Ashtead, antes do treinamento na Central School of Speech and Drama, onde se graduou em 2004.

Filmografia

                          Boy A (2007)

Boy A é um filme inglês de 2007 baseado na obra homônima do escritor Jonathan Trigell. Dirigido por John Crowley, o longa-metragem recebeu inúmeros prêmios, entre eles oBAFTA TV Award de melhor ator para Andrew Garfield e Dinard British Film Festival.

O filme estreou em 2007 no Festival Internacional de Cinema de Toronto.A ficção assumi um Jamie Bulger, como o caso, este vê o ator como Jack Burridge, um dos dois assassinos de crianças, que é liberado da prisão depois de cumprir 14 anos por um crime ainda controverso e está envolta no anonimato para dar a ele uma chance de construir sua própria vida.

Conhecido como “Boy A” para o sistema de justiça criminal e renomeado Eric Wilson como ele ataca sozinho, o personagem de Garfield é um jovem torturado por um passado que nunca se deve sacudir e isolado por seu medo de que ele será sempre a cor do seu mundo.

Peter Mullan é o trabalhador da reabilitação simpático que tenta ajudá-lo a reconstruir sua identidade, mas este é o filme “Garfield”, o ator mistura simpatia e sensibilidade nervosa com uma sensação de escuridão embaixo. Este ainda é o desempenho, muitas vezes o nome verificado por diretores como a razão pela qual queria trabalhar com Garfield, e rendeu ao ator uma TV BAFTA de Melhor Ator por sua vez. Não é um mau começo para um homem de liderança, considerando todas as coisas.

Lions for Lambs (2007)

Lions for Lambs (br: Leões e Cordeiros / pt: Peões em Jogo) é um filme estadunidense de 2007, do gênero drama, dirigido por Robert Redford.No filme O senador Jasper Irving (Tom Cruise) pretende lançar uma nova estratégia para a guerra dos Estados Unidos no Afeganistão, mas para divulgá-la precisa da ajuda da jornalista Janine Roth (Meryl Streep).

Ao mesmo tempo, o idealista professor Stephen Malley (Robert Redford) tenta convencer Todd (Andrew Garfield), um de seus alunos mais promissores a mudar o curso de sua vida, enquanto que Ernest e Arian, ex-alunos do Dr. Malley, são soldados que estão lutando no Afeganistão.  Mas em um elenco que incluía Redford, Tom Cruise e Meryl Streep, foi Andrew Garfield, que reuniu a atenção mais positiva. Ele interpreta um garoto de fraternidade que é um estudante de faculdade Redford, quando Redford desafia a postura descontentes e desmotivadas de  Garfield sobre o mundo.

É um desempenho multi-camadas aqui: na superfície, Garfield é todos os maneirismos surfista-boy e a alegria casual, mas é claro que há uma mente afiada passando por baixo, e como ele desafia postura Redford, o filme quase funciona. Se tivesse sido apenas estes dois discutindo durante duas horas, poderíamos ter sido sobre algo. Na cartilha tornando-a-estrela, o roubo de um filme debaixo dos narizes dos nomes mais estabelecidos é sempre uma decisão crucial.

          Red Riding: 1974 (2009)

Depois de um breve papel em The Imaginarium Of Doctor Parnassus, próximo turno de  Garfield como personagem principal veio em outro passeio na TV, a adaptação de três partes do Quarteto de David da Paz Red Riding.

A história é ambientada contra o pano de fundo uma série de assassinatos que inclui o caso do Estripador de Yorkshire, e as dobradiças primeira parte cerca de jornalista arrogante Garfield jovem e seus esforços para investigar o desaparecimento de várias garotas locais.

O repórter irresponsável encontra-se rapidamente em cima da cabeça, Garfield se transforma a partir de um retrato de ingênua autoconfiança ao desespero em que se encontra orientada a intenção do sistema como um todo sobre o desmantelamento de tudo o que ele tentou fazer.Era prova de que o ator poderia cravar os dentes em material sério escuro – e que ele não tem que jogar mais adolescentes.

Never Let e Go (2010)

Never Let Me Go (Não Me Abandone Jamais)é um filme de ficção inglês baseado no romance de Kazuo Ishiguro (2005). O filme foi dirigido por Mark Romanek, com roteiro de Alex Garland. Tem como centro Kathy (Carey Mulligan), Ruth (Keira Knightley) e Tommy (Andrew Garfield). Os três, que se vêem envolvidos em um triângulo amoroso, são espécimes científicos criados em laboratório para fornecer os seus órgãos a pacientes gravemente enfermos.

Ele pode ter passado a fase adolescente, mas ele ainda pode fingir, como Garfield mostrou nesta adaptação do romance de Kazuo Ishiguro Booker-finalistas. Contada através de uma série de flashbacks por Kathy Carey Mulligan H, só gradualmente se torna claro que ela e seus amigos Tommy (Garfield) e Ruth (Keira Knightley) não são seus filhos escolares típicos de embarque. E enquanto é Ruth, que começa um relacionamento com Tommy durante o período da história de uma década, é óbvio que ele e Kathy compartilham uma conexão emocional que Ruth nunca consegue compreender. Esse filme  foi falado como um candidato ao Oscar de antecedência, mas o tom meditativo e desgosto tranquila provou um pouco low-key para o gosto da Academia. Era um outro filme da mesma época que iria lançar Garfield a novas alturas …

 A Rede Social (2011)

The Social Network (conhecido no Brasil e em Portugal como A Rede Social) é um filme americano de 2010, sobre a fundação da rede social Facebook e seus desdobramentos. O filme foi dirigido por David Fincher, com um elenco composto por Jesse Eisenberg, Andrew Garfield, Justin Timberlake, Armie Hammer, Max Minghella, Josh Pence, Brenda Song,Joseph Mazzello, Rashida Jones e Rooney Mara.

O roteiro de Aaron Sorkin adapta o livro de não-ficção The Accidental Billionaires, escrito por Ben Mezrich. Nenhum funcionário Facebook, ou seu fundador Mark Zuckerberg, se envolveu na produção do filme, embora Eduardo Saverin tenha sido um consultor para o livro de Mezrich.[2] Foi distribuído pela Columbia Pictures e estreou em 1 de outubro de 2010nos Estados Unidos, 4 de novembro de 2010 em Portugal e 3 de dezembro do mesmo ano no Brasil.

The Social Network foi geralmente aclamado pela crítica mundial, com os críticos aplaudindo sua edição, atuação, trilha sonora, direção e roteiro. O filme apareceu em 78 listas de melhores filmes do ano; 22 como número um. Recebeu oito indicações ao Oscar, incluindo Melhor Filme (Dana Brunetti, Ceán Chaffin, Michael De Luca e Scott Rudin), Melhor Diretor(David Fincher) e Melhor Ator (Jesse Eisenberg), vencendo nas categorias de Melhor Roteiro Adaptado (Aaron Sorkin), Melhor Edição (Kirk Baxter e Angus Wall) e Melhore Trilha Sonora Original (Trent Reznor e Atticus Ross). Também venceu quatro Golden Globes, para Melhor Filme – Drama, Melhor Diretor (David Fincher), Melhor Roteiro (Aaron Sorkin) e Melhore Trilha Sonora (Trent Reznor e Atticus Ross).

David Fincher assumir a criação do Facebook o tornou um dos filmes definidores da nossa era, além de ser um dos melhores dramas que surgiu nos tempos. Enquanto Garfield foi considerado um ator coadjuvante, para efeitos de cerimônias de premiação (onde os estrategistas claramente percebi-se que Jesse Eisenberg estava com uma melhor chance de conseguir uma vitória de Melhor Ator), ele é realmente o co-líder, o igual e oposta à estranha Eisenberg Mark Zuckerberg.

Eduardo Saverin Garfield é mais inconstante e menos intenso do que o seu parceiro, mas ele desempenha um papel central neste drama, e é sua relação com Zuckerberg, que fornece o filme com o seu centro emocional, humanizar a figura difícil, que retrata Eisenberg. Não é de admirar que o estúdio Sony viu algo aqui e pensou que poderia vir a calhar …

O Espetacular Homem-Aranha (2012)

Marc Webb dirige o filme, cujo roteiro é assinado por James Vanderbilt, com revisões posteriores de Alvin Sargent e Steve Kloves. O elenco inclui Andrew Garfield como Peter Parker,Emma Stone como Gwen Stacy e Rhys Ifans como o antagonista, o Lagarto. O filme segue Peter Parker enquanto ele desenvolve seus poderes na escola e tenta desvendar a verdade sobre seus pais.

Quando a primeira palavra veio através do objetivo da Sony para reiniciar a franquia Homem-Aranha, o plano era voltar aos dias do Peter Parker da escola. Atores em seus 20 anos muito precoces, como Josh Hutcherson, Aaron Johnson e Anton Yelchin estavam todos na disputa, mas no final a peça foi para Garfield. Claro, ele é um bocado mais velho do que um garoto escolar, mas de alguma forma sua convincente linguagem corporal como um jovem de 17 anos, e sua química com Gwen/Emma Stone. Com sinal verde para uma continuação e definida para 02 de maio de 2014 e outro.É  claro que Garfield marcou um gol como o super-herói aracnídeo.

Fonte: Empire

2 Respostas para “Andrew Garfield: Conheça a vida e a carreira do novo ator do Homem-Aranha

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s